Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

womanyzing

"What is done in love is done well " Vicent Van Gogh

womanyzing

"What is done in love is done well " Vicent Van Gogh

Ter | 05.07.16

O meu Ribeiro do Cavalo

womanyzing

Tudo o que é bonito tem de ser preservado, e pelos vistos também tem de ser escondido! Não sabemos aproveitar aquilo que a Natureza nos dá de melhor, nem tão pouco sabemos usufruir se destruir...

Há mais de vinte anos, ía para esta praia acampar, quando ainda era permitido, quando nada era proibido, quando não havia tanta policia marítima a proibir tudo em vez de prestarem atenção ao que é mais importante.

Ía com a minha família, todos os Verões, no barco de pesca do meu avô, levava-nos a todos até à praia, montávamos as tendas e ficamos a acampar alguns dias naquele pequeno paraíso, onde naquela altura, praticamente só se conseguia chegar de barco.

Maldita a hora que descobriram uma forma de ir andando, porque mais uma vez começaram a proibir os pescadores de levarem as família de barco até à praia, e tiveram de encontrar outra forma de lá chegar, mas só para ficar o dia porque também proibiram o acampamento.

Não havia lixo, haviam pulgas, a subir pela tenda durante a noite, é das maiores recordações que tenho, isso e o céu, não me lembro de ver o céu tão lindo como ali, as estrelas brilham mais, é tão bonito que já se passaram muitos anos desde a ultima vez que lá fui, mas ainda me lembro daquele brilho no céu como se fosse hoje... Era uma tradição da gente de Sesimbra ir aquela praia, pexito que é pexito já lá acampou alguma vez na vida, e por isso é comum a toda esta gente o sentimento de posse por este "cantinho do mundo".

Quando o ano passado, foi revelado ao mundo o nosso pequeno paraíso, já sabia que ia deixar de ser nosso para passar a ser do mundo, mas como não é fácil lá chegar sempre pensei que não se fosse tornar passagem obrigatória.

Pensava eu, até ver uma fotografia, com a praia cheia até não haver espaço para mais uma toalha estendida, como é possível? Falta o quê? Abrirem um bar da praia?

É que para além de irem para lá em excursões, não respeitam nada nem ninguém, não sabem apanhar o lixo que fazem e só sabem destruir aquilo que não lhes pertence. Apetitar-me proibir a entrada naquela praia de estranhos, multar quem deixa-se lá um papel, quem apaga os cigarros na areia e deixa as beatas a apodrecer, era isso que a policia marítima devia ver. Eram essas as medidas que deveriam ser tomadas, porque infelizmente "o tempo não volta atrás", e aquela praia jamais voltará a ser o que era!!!

 

ribeiro.jpg